Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cais da Escrita

Blog destinado à publicação de trabalhos dos alunos do Agrupamento de Escolas de Albergaria-a-Velha visando promover o gosto pela leitura e pela escrita. Que os alunos escrevam por prazer, com criatividade e imaginação. Desde 25 de outubro de 2011.

Cais da Escrita

Blog destinado à publicação de trabalhos dos alunos do Agrupamento de Escolas de Albergaria-a-Velha visando promover o gosto pela leitura e pela escrita. Que os alunos escrevam por prazer, com criatividade e imaginação. Desde 25 de outubro de 2011.

Pelos alunos do 3.º ano da EB da Cruzinha.

No São Martinho,

Vou à adega beber todo o vinho

Mas espero

Não me perder pelo caminho.

 

No São Martinho

Como castanhas assadas.

No forno de lenha,

Espero que   não  fiquem queimadas.

 

O São Martinho é em novembro

Quando já está frio.

Mas este ano,

Ainda ninguém o viu.

 

As castanhas

Estão no castanheiro,

Penduradas no ouriço

Que não é cacheiro.

Pedro Leite

O verão de São Martinho,

vamos todos celebrar.

O meu pai bebe o vinho,

e nós, castanhas vamos assar.

 

Já é outono 

e as folhas estão a cair.

Depois das castanhas,

o inverno irá surgir.

 

Enquanto comemos as castanhas,

saltamos, rimo-nos e brincamos.

Somos felizes todos juntos 

e assim também nos amamos.

 

Saltam quentinhas e boas

da caruma todas enfarruscadas.

Vamos todos saltar a fogueira

das castanhas assadas.

Maria Carolina Valente

 

 

O Magusto

Redondas e saborosas

Castanhas bonitas

São tão fabulosas

Quentinhas são mesmo cheirosas!

 

Saem do ouriço no outono,

E comem-se até dezembro.

São Martinho é o seu dono

No dia 11 de novembro.

 

Vão ao lume para assar

E são temperadas com sal.                                                                         

Temos que as descascar

Nesta festa anual

E jeropiga para acompanhar.

 

Da cor castanha

A cor do outono

Junto à lenha

Até ficar com sono.

Madalena Machado Seixas

 

 

São Martinho

Gosto do São Martinho

Porque também gosto de castanhas.

Ir apanhar caruma na montanha

Ficar no quentinho

E comê-las junto à lenha.

 

Este ano muitas têm bicho

O que importa é que haja festa,

Umas vão para o lixo,

E outras vão para a cesta.

 

É bom comê-las junto à fogueira

Com a família e com os amigos

Sentados no chão ou na cadeira

Boa disposição sempre à beira,

Com os mais novos e os antigos.

 

Os adultos gostam de jeropiga.

Aquece quando o lume fica mortiço.

Bebe-se bem até com chouriço

E toda a gente fica amiga.

Beatriz Antunes Maia

O verão já foi embora

e com ele foi o calor.

Preparem-se está na hora,

as castanhas vão saltar fora

do seu ouriço protetor.

 

O frio está a chegar

e com ele vem o outuno.

Ele vem anunciar

são martinho patrono.

 

A festa vai começar

estão todos convidados.

As castanhas estão a assar,

há foguetes no ar,

já estamos todos animados.

 

À volta da fogueira,

a festa vai continuar.

Todos numa grande brincadeira,

vamos cantar e dançar.

Gonçalo Marques Castanheira

 

 

Castanhas

As castanhas são saborosas

E também muito gorduchinhas.

Muitas delas são gostosas

E muito apetitosas

E são boas quentinhas!

 

As castanhas vêm dos castanheiros,

E nascem dentro dos ouriços

E não em cortiços

Nem em pinheiros.

 

Este fruto de outono

Pode servido de várias maneiras

No prato pode ser dono.

Mesmo com sono,

Vamos comê-las em brincadeiras.

 

Dia 11 de Novembro,

É dia de São Martinho.

O dia em que me lembro

Do sol bem quentinho.

André

 

Castanha

Castanha, castanhinha

Cozida e assada

Tem que ser cortada.

Quando é docinha,

Vem para minha barriguinha.

 

Castanha cozida

É boa para ser comida.

E castanhas assadas

Têm de ser descascadas.

 

A castanha nasce do ouriço,

É boa para comer com chouriço.

No magusto,

Vou à casa do Augusto.

 

O castanheiro

É maior que o pessegueiro

E mais pequeno que o pinheiro.

Castanha frita é boa

Mas tem que ser com broa.

Pedro Maia

A castanha

Para a castanha apanhar,

Tenho de ter cuidado

Para não me picar.

Pois dentro do ouriço,

Elas passam o verão a esperar.

 

 

Para assar a castanha,

Tenho de utilizar

Sal grosso e lenha.

E de seguida, é vê-la a estalar.

 

 

És bela e saborosa,

Castanha clara e escura.

O sabor é tão intenso

Mas não levas nenhuma gordura.

Viva tanta formosura!

 

 

Gosto de castanhas

Mas não estou a falar da cor.

São lindas e gostosas,

Elas parecem uma flor.

Inês Filipe Silva Bruver

 

As castanhas

As castanhas assadas

Ou talvez cozidas,

Ficam mais gostosas

Muito salgadas

Mas muito apaladadas!

 

Frias ou quentes,

Parecem sementes.

Mas mesmo gigantes

Que não são picantes.

 

Podes assá-las

Na lareira

Ou então na paneleira.

Ficam boas na mesma

Vou levar uma resma!

 

Podemos fazer cartuchos,

Muito gorduchos

Ou comer em pratinhos

Mesmo bonitinhos.

Ana Catarina Pires Silva

 

As castanhas

Eu sou o velho castanheiro

Com os seus ninhos,

Onde habitam as castanhas,

Rainhas do São Martinho.

 

Albergaria em festa!

Nesta quadra de São Martinho,

Os meninos comem castanhas

E os populares provam o vinho.

 

Na escola da Cruzinha,

O São Martinho é uma animação.

Come-se a castanha quentinha

Como manda a tradição.

 

Eu sou o João Gil,

Membro da família Fortunato.

Nesta época do ano,

Como castanhas que me farto.

João Gil

 

 

O S. Martinho

Vamos lá meninos!

A fogueira está acesa,

As castanhas vou assar.

Com música ambiente,

À volta da fogueira, vamos dançar!

 

Castanhas, Castanhas

Que lindas que são!

Ao lume a estalar,

Vamos lá meninos,

Vamos lá provar.

 

Há festa na escola,

Vamos lá cantar.

Assar as castanhas,

E depois brincar.

 

Castanhas quentinhas,

Que boas que são,

Cuidado meninos,

Não queimam as mãos.

Inês Marques Melo

                    

As Castanhas

O ouriço tem um fruto.

Muito saborosa, é uma castanha.

Elas participam numa festa

São as ``rainhas da noite ´´!

 

Elas podem ser saborosas de várias formas

Cozidas, apaladadas e assadas.

É o castanheiro a sua árvore ``mãe ´´.

O tempo é soalheiro,

A lareira é quem as assa.

 

Fazemos uma fogueira ardente

As castanhas saem da fogueira quentes.

Com as cinzas enfarruscamo-nos,

Estamos todos a brincar!

 

Todos a brincar,

A fogueira pular!

A lenha a arder,

Já me estou a aquecer.

Vamos todos festejar!

Inês Da Silva Cruz

 

 

As castanhas

Em Outubro, há castanhas assadas,

E também cozidas,

As castanhas bonitas

E quentinhas.

 

 

O castanheiro lindo,

Bonito e duro.

As castanhas cobertas de casquinha.

Vamos lá comer a castanha

Bem bonitinha.

 

Mas que rica fogueira,

Está mesmo à maneira

Vamos lá pular,

Cuidado para não me queimar.

Ricardo

 

Magusto

As castanhas lá em cima,

que caem para o chão.

Que têm uma prima

Que têm um pão

E também um cão.

 

As castanhas saborosas,

gostosas e amorosas,

assadinhas no fogão

até aquecem o coração.

 

Castanhinhas, castanhinhas

feitas na fogueira arder,

quentinhas, quentinhas

com sumo para beber,

todos juntos as vamos comer.

 

Bem juntos à fogueira,

as crianças a brincar

ao pé da lareira

a correr e a saltar.

Miguel Duarte

Magusto

Hoje é dia de São Martinho

vamos cantar e bailar

na adega provamos o vinho

e a fogueira vamos saltar.

 

Fui a um magusto

no dia de São Martinho

comi duas castanhas

e bebi um suminho.

 

No dia de São Martinho

havia uma festa e vinho

comi castanhas assadas

mas doeu-me a barriga

porque estavam queimadas.

 

No dia de São Martinho

há castanhas e vinho

todos saltam a fogueira

bora lá saltar comigo

pra ficar com o pé quentinho.

Ana Margarida

 

Castanhas

Castanhas quentinhas,

E muito pequeninas

Assadinhas com sal

E são todas minhas.

 

As castanhas são saborosas,

E também muito formosas

E muito duras elas são,

Temos de lhes dar perdão,

De tão saborosas que são.

 

No Outono vão nascer,

Do ouriço vão sair,

As castanhas deliciosas,

Que eu vou engolir.

 

Depois da refeição,

Sã Martinho tem razão,

A castanha sabe bem,

Dia 11 de novembro

Desde que me lembro.

Francisco Pinto

 

Alunos da turma do 3.º Ano da 

EB da Cruzinha

Professora Titular de Turma: Catarina Monteiro

Mais sobre este Cais

Selo BloguesEDU

O Tempo para hoje

(clicar na imagem para outras previsões)

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D